ENXAME

*** Compartilhar ***
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
0
(0)

Leitura em voz alta automática:

ENXAME

Quando a visão da minha consciência fica turva pra enxergar ideias novas, eu torço pra que o caos se instale. O caos reduz o meu foco à força. Enfrentá-lo, me mostra com nitidez e de forma instantânea quais os caminhos eu devo evitar. Enfrentar o caos funciona como espécie de poda das ideias infrutíferas.

Quem olha de perto e com calma um grupo de insetos, identifica a relação dos seus movimentos com os seus próximos passos. Ou seja, não exatamente pra onde eles vão, mas como decidem pra onde ir. É assim que funciona essa poda.

Quando eu faço essa poda, meu corpo apresenta reações esquisitas. Logo que isso acontece, eu rapidamente anoto as palavras chaves dessas coisas e troco de contexto.

Se eu não fizer isso rápido, dá algum problema e toda a memória envolvida vai pra um buraco negro. Já cometi esse erro muitas vezes, mas não o cometo mais.

Agora, ao perceber os primeiros sinais de formação de um enxame desses insetos, a minha consciência apenas registra a causa disso tudo e logo em seguida monta num cavalo e cai fora.

As sementes criativas estão nesses terrenos espinhentos. E quanto mais os visito, mais densas e imperceptíveis ficam essas sementes pra quem só vê o produto final. Isso tá cada vez mais parecido com um átomo. A ideia foco é o núcleo atômico.

___________________________

Paulo Ricardo Silveira Trainini

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •